Estudo diz que usuários do Internet Explorer tem QI menor

Uma empresa canadense divulgou um estudo que sustenta que os usuários de Internet Explorer (IE) têm quociente de inteligência (QI) inferior ao dos que usam outros navegadores.

IE, Chrome e Firefox

A pesquisa da AptiQuant se chama “Quociente de inteligência e uso de navegadores” e relaciona os QIs de 101 mil pessoas aos seus browsers favoritos.

A compilação concluiu que os usuários do navegador da Microsoft têm, em média, o QI pouco acima de 80 (IE 6) a pouco mais de 90 (IE 8). Quem acessa a Web por meio de Chrome e Firefox é mediano, com quociente por volta de 110. Os mais inteligentes são os usuários dos programas Opera e Camino.

“As pessoas classificadas na parte mais baixa da escala de QI tendem a resistir a mudar/atualizar seus navegadores”, diz a pesquisa.

Se o polêmico achado do estudo for mesmo verdade, conclui-se que o número de pessoas pouco inteligentes está caindo rapidamente no mundo. Segundo a firma de estatísticas de tecnologia StatCounter, a participação de mercado de todas as versões do Internet Explorer caiu de 59% para 44% em dois anos. A do Chrome, por exemplo, subiu de 2.8% para 20,7% no mesmo período.

[Visto em Design Grafico que viu em o O Globo que viu em Mashable e Bussiness Insider]

MAS… segundo o Mashable e Bussiness Insider, o estudo não passou de uma brincadeirinha… #trollfeelings, e eu já procurando o Opera para fazer download ou como o site colocou, não passou de um Hoax.

A CBR descobriu que o website da AptiQuant contém grandes pedaços de texto e imagens idênticos ao material encontrado no site de uma empresa de testes psicométricos chamado Central Test. Compare estas duas páginas , por exemplo, e você verá que pelo menos uma dessas empresas é falsa.

No entanto, a CBR obteve uma declaração da Central Test alegando que eles não têm qualquer ligação com AptiQuant, e que classifica praticamente toda a história como uma fraude.

O que é surpreendente sobre este hoax é a atenção aos detalhes. Por exemplo, você  encontra no site da AptiQuant estudos anteriores (é possível copiar/colar a partir de estudos da Central Test), FAQ e endereço completo da empresa – em suma, tudo o que você encontraria normalmente em um site de uma empresa deste tipo.

Além disso, após a liberação do artigo inicial e do “estudo” por trás dele, a AptiQuant não permaneceu em silêncio, publicou um artigo de follow-up dizendo que a empresa foi ameaçada por uma ação de usuários do IE leais .

O Mashable contactou tanto a Central Test quanto a AptiQuant, mas nenhuma das duas respondeu.

Visto em Mashable que viu em CBR.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s